MODELAGEM MATEMÁTICA NO ENSINO FUNDAMENTAL: A LINGUAGEM DE ALUNOS COMO FOCO DE ANÁLISE

Autores

  • Lourdes Maria Werle de Almeida
  • Emerson Tortola

DOI:

https://doi.org/10.17921/2176-5634.2014v7n1p%25p

Resumo

A modelagem matemática pode ser entendida como uma alternativa pedagógica em que a abordagem de determinadas situações não matemáticas é realizada por meio da matemática. Um aspecto relevante nessa abordagem diz respeito à linguagem usada ou requerida. Assim, investigamos neste artigo a questão: como estudantes dos anos iniciais do Ensino Fundamental usam a linguagem para trabalhar com atividades de modelagem matemática? Pautamos nossas argumentações na análise de duas atividades de modelagem matemática desenvolvidas por estudantes de um 4º ano do Ensino Fundamental, cujos dados foram coletados a partir de gravações em áudio e vídeo e registros escritos produzidos pelos estudantes. Com base nas análises, fundamentadas na perspectiva filosófica de Ludwig Wittgenstein a respeito da linguagem, podemos inferir que os usos da linguagem subsidiam as ações dos estudantes nas atividades de modelagem, viabilizando a produção dos modelos matemáticos e a obtenção de uma solução para o problema que está sob investigação.

Downloads

Publicado

2015-06-18

Edição

Seção

Artigos