L’ENSEIGNEMENT DES MATHEMATIQUES ELEMENTAIRES « A L’ENSEIGNE DU PERE CASTOR »

Autores

  • Marc Moyon

DOI:

https://doi.org/10.17921/2176-5634.2015v8n1p%25p

Resumo

Paul Faucher (1898-1967) é mais conhecido na França e no exterior, sob o pseudônimo de “Père Castor”. Fundador de uma coleção de livros de literatura infantil de mesma denominação, dividiu seu tempo entre a publicação e educação. Defender os princípios da Educação Nova estava na vanguarda dos debates educacionais na França entre as duas grandes guerras mundiais. Por razões pessoais e profissionais, Paul Faucher foi principal ator de uma importante e frutífera relações educacionais entre a França e Tchecoslováquia no início de 1920. Foi somente depois da Segunda Guerra Mundial que os resultados dessas trocas vieram à tona no mundo da edição. De fato, no início de 1950, a coleção Albums du Père Castor enriqueceu pela primeira vez livros escolares adaptados de obras do educador tcheco Ladislav Havránek (1884-1961). Esses manuais diziam respeito aos primeiros anos de aprendizagem: desenho, escrita e matemática elementar (quantidade e conceito de número). Após uma breve apresentação de dados biobibliográficos sobre Paul Faucher, apresentamos o corpus das obras relacionadas com o ensino da matemática. Por fim, realizamos um estudo sobre a ampla divulgação dada a essas obras, desde sua primeira edição até o final da década de 1960.

Downloads

Publicado

2015-06-19

Edição

Seção

Artigos